QUER ELEVAR A SUA AUTOESTIMA? RESPEITE-SE.

  • Hellen Dalla
  • 08/03/2020

Quando você tem uma visão negativa de si mesmo, você também tem uma visão bastante sombria do mundo ao seu redor. O seu mundo interno determina como você interpreta o mundo externo e a vida. A sua realidade é a manifestação, isto é, o reflexo deste conteúdo que ficou registrado e se tornou o script da sua vida.


Os padrões deste script interno também ditam a forma como você se relaciona com os outros, com o sucesso, com a comida, com a felicidade, como o amor…e consigo mesmo!


Quem está no controle da sua vida? O adulto, ou a criança?


Como está o seu diálogo interno? Não precisa responder…apenas permita-se pensar nisso sem julgamento ou críticas. Observe o que você gostaria de mudar e entenda que nada disso aconteceu por acaso.


A sua mente tem estratégias incríveis de defesa e o seu principal objetivo é o de sobrevivência. Um dos caminhos mais seguros para garantir a sobrevivência é economizar energia, e a melhor forma de economizar energia é repetir padrões.


BINGO!


O seu script interno, ou seja, a programação mental que você estabeleceu foi uma consequência das experiências que você teve ao longo da sua vida, especialmente na infância. Aquilo que costumamos chamar de “sombra”, nada mais é do que todo conteúdo que não sabíamos como lidar por ser assustador, triste, duro, difícil ou traumático.


Portanto, se hoje você percebe que a falta de amor próprio, baixa estima estão se manifestando como “sintomas”, saiba que eles existem porque foram necessários como estratégia de sobrevivência em um determinado momento. Talvez eles não sejam mais necessários e chegou a hora de estabelecer novos padrões.


Chegou a hora de editar o seu script. Para isso é preciso olhar para a criança interior que ficou ferida e acolher todo o conteúdo que ela não soube lidar. Faça as pazes dando a ela todo amor, carinho e acolhimento que ela não teve, ou não percebeu que teve. Respeite-a, escute o que ela tem para te contar. Diga mentalmente que você veio do futuro para dizer que vai dar tudo certo e que ela pode se sentir segura.


Por fim, permita-se crescer. Responsabilize-se por esta criança e assuma o controle da sua vida. Você agora já tem condições de fazer isso. Amar-se significa que você deixará ir conscientemente o que te faz sofrer. Abra mão das suas dores e frustrações. Encare a vida sob o aspecto da superação e do sucesso.


Você merece ser feliz!